terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Robin Wiliams e o Estereótipo do Brasil

Ontem, em uma entrevista ao talk show de David Letterman - um entrevistador norte-americano de quem o Jô Soares copiou seu programa - o ator Robin Williams fez uma piada infeliz, que mostra bem o estereótipo de nosso país lá fora. Ele brincou dizendo que enquanto os EUA tinham mandado Michele Obama e Oprah Winfrey para a disputa que definiu a sede das Olimpíadas, o Brasil mandou 50 stripper's e 1 kg de cocaína. Engraçado é que, o próprio país dele (os EUA), é o maior consumidor de drogas do mundo, e que o Brasil é apenas uma porta de saída daquilo que é produzido em outros paíse da América Latina. Aliás, os próprios norte-americanos são clientes assíduos e colaboradores do turismo sexual brasileiro: afinal, o turismo sexual existe porque existem pessoas dispostas a pagar por ele... Por fim, é uma grande contradição que uma pessoa que fez tratamentos e terapias em função do vício em cocaína faça uma brincadeira preconceituosa como esta...
x
É justamente no humor, terreno do politicamente incorreto, que muitos deixam transparecer seus preconceitos, de forma que não o faríam em outro momento de seriedade, onde as pessoas se policiam.

Um comentário:

LÉO ! disse...

Salve nego fmz ai no que vç disse ! o Brasil agóra e tarjado com piada pra comediante !! páz gostei do blog voltarei ............páz !